Ocorreu um erro neste gadget
RSS

Cachoeira Sete Quedas


 Integrantes da equipe fora do mapa deslocaram-se novamente até o bairro do Espalha Brasa para mais uma possível descoberta em meio a um das grandes serras do local.
   Desta vez foram dois integrantes da equipe Alisson e Solange junto com o guia Tony acompanhado da sua esposa Carla que conheciam bem o local, resolvemos explorar o local que segundo o guia existiam ali sete quedas de água de pequeno porte localizadas em um determinado local daquela serra.










    Começamos uma trilha bem tranquila aberta, mais poucos metros a frente a trilha já começava a se fechar, não demorou muito e já estávamos em uma mata bem fechada e de difícil acesso, o local estava bem molhado e a trilha bem liza e escorregadia mais o que não deixava ninguém desanimar era o grande barulho de água vindo das quedas à frente.
  Depois de andarmos aproximadamente 2 km pela trilha conseguimos avistar a primeira queda de água que já deu muito mais animo a equipe.




   Depois de passarmos pela primeira queda de água os trilheiros começaram uma descida por dentro da água para localização das outras seis quedas, depois de poucos metros de decida os trilheiros avistaram a segunda queda de água já era bem visível maior o volume de água.




   Depois de se refrescar um pouco na segunda queda d'água a equipe continuou a descida rumo a próxima queda, ao chegar na queda os aventureiros depararam-se com  pequenas cavernas construídas pela natureza.
   Cada vez  a trilha estava ficando mais difícil mata muito fechada e locais de difícil acesso,  andamos mais um pouco e chegamos a quarta queda de água.






   O volume da água era cada vez maior e a paisagem cada vez mais bonita os locais eram impressionantes, então chegamos na quinta queda, então surgiu um comentário sobre o nome daquele local, como o nosso guia e morador da região não conhecia nenhum nome especifico para aquelas quedas, os aventureiros resolveram à chamar de AS SETE QUEDAS.






    Andamos mais alguns metros e avistamos a sexta queda, que era de tamanho razoável mais com grande volume de água, ficando assim difícil o acesso para a ultima queda, mais como já havíamos chegado ate ali não poderíamos desistir tão fácil.





   Ao avistarmos a sétima e ultima queda de água os aventureiros já demostravam sinal de cansaço, após mais ou menos uns 3 km de mata muito fechada e de difícil acesso, mais já estávamos com o dever comprido e as quedas de água com certeza valeram todo o esforço de todos.







  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

0 comentários: